Segunda, 24 de Janeiro de 2022
28°

Poucas nuvens

Barra Velha - SC

Dólar
R$ 5,49
Euro
R$ 6,22
Peso Arg.
R$ 0,05
Mundo SWI-CORPO HUMANO

NOVA PARTE DO CORPO HUMANO

Suíça, palco de descoberta científica

04/01/2022 às 19h23
Por: Rui Candeias Fonte: rc-redação-galileu
Compartilhe:
NOVA PARTE DO CORPO HUMANO

NOVA PARTE DO CORPO HUMANO

Suíça é palco de descoberta científica

rc-redação-galileu-03.01.22

SWI-CORPO HUMANO

 

Pesquisadores da Universidade de Basileia identificaram uma camada profunda do músculo masseter que contribui para a estabilização da mandíbula

Camada muscular recém-descoberta começa na parte de trás da maçã do rosto e vai até o processo coronoide anterior da mandíbula inferior O masseter, músculo que nos permite mastigar alimentos sólidos e está localizado entre a mandíbula e as maçãs do rosto, foi objeto de uma grande descoberta neste mês. Cientistas suíços encontraram uma nova parte interna desse músculo e a batizaram de seção coroide (Musculus masseter pars coronidea).

Publicada em 2 de dezembro no periódico Annals of Anatomy - Anatomischer Anzeiger, a descoberta mostra que a anatomia humana ainda pode nos surpreender.

Geralmente, os livros de anatomia dizem que o masseter é composto de uma parte superficial e outra profunda. Mas os cientistas da Universidade de Basileia, na Suíça, resolveram investigar melhor a questão. Para isso, eles estudaram uma mandíbula fixada com formalina, um composto químico em forma aquosa.

Os estudiosos também utilizaram tomografia computadorizada e analisaram seções de tecido de pessoas mortas que doaram seus corpos para fins científicos. Para comparação, foram usados ainda dados de ressonância magnética de uma pessoa viva.

De acordo com a pesquisadora Szilvia Mezey, líder do estudo, o arranjo das fibras musculares estudadas indicou que a seção coroide ajuda na estabilização da mandíbula. E ainda parece ser a única parte que pode puxar a mandíbula para trás, em direção à orelha. “Esta seção profunda do músculo masseter é claramente distinguível das duas outras camadas em termos de seu curso e função”, ela acrescenta, em comunicado.

Estudos de anatomia e livros didáticos anteriores já discutiam a existência de uma terceira parte que constituísse o masseter. A edição de 1995 do atlas anatômico Gray's Anatomy, por exemplo, descrevia que o músculo tinha três camadas.

Contudo, até agora, havia muita contradição sobre o assunto. Pesquisas do início dos anos 2000 também citavam as três camadas, mas, na prática, ainda dividia-se o músculo em somente duas, concordando com outras descobertas-padrão da época.

O novo estudo, por outro lado, pode mudar o que a pesquisa anatômica dos últimos 100 anos ainda havia deixado em aberto. “Nossa descoberta é um pouco como zoólogos descobrindo uma nova espécie de vertebrado”, compara Jens Christoph Türp, professor que também lidera o estudo.

Pesquisadores descobriram uma camada mais funda do músculo masseter (Foto: Szilvia E. Mezey et.al) e (Foto: Jens. C. Türp, University of Basel / UZB)

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Medicina
Medicina
Sobre JACKSON MAIER é Consultor de Negócios Corporativos, Proprietário da Fox Consultoria, com ênfase às áreas Comercial e Marketing. Proprietário da Rádio Super Fox e Canal Hora Notícias, é também Comunicador e Correspondente na Região Norte de SC para veículos de comunicação. Apresentador do Programa diário "Hora Notícias" e Colunista no Site RC News. Contato com a Produção: (47) 99708-3956 Tim/Whats.
Barra Velha - SC Atualizado às 19h49 - Fonte: ClimaTempo
28°
Poucas nuvens

Mín. 25° Máx. 32°

Ter 33°C 24°C
Qua 32°C 24°C
Qui 31°C 25°C
Sex 28°C 22°C
Sáb 27°C 20°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Ele1 - Criar site de notícias