Quinta, 21 de Outubro de 2021
18°

Muitas nuvens

Barra Velha - SC

Dólar
R$ 5,60
Euro
R$ 6,52
Peso Arg.
R$ 0,06
Brasil BRA-FAKE NEWS

Dra. MAYRA PINHEIRO

Abutres fazem fake news

08/10/2021 às 17h20 Atualizada em 12/10/2021 às 18h47
Por: Rui Candeias Fonte: rc-a.l.matias-tl
Compartilhe:
Dra. MAYRA PINHEIRO

Dra. MAYRA PINHEIRO

Abutres do jornalismo fazem fake news

rc-a.l.matias-tl-08.10.21

BRA-FAKE NEWS

O falecimento do pai da médica favorável ao tratamento precoce, Mayra Pinheiro, Secretária de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde, do Ministério da Saúde, nessa terça-feira (06), expôs mais uma vez a falta de sensibilidade e profissionalismo brasileiro. No mesmo dia em que a médica perdeu o pai, veículos de comunicação e profissionais da velha mídia publicaram a informação associando a morte do Sr. Franscisco César Figueiredo Pinheiro, pai da médica, à Covid-19.

O jornalista Ricardo Noblat postou em seu perfil no Twitter o print de uma matéria do portal Metrópoles. Na legenda da imagem, Noblat reescreveu o título e subtítulo da matéria do portal: “Pai da Capitã Cloroquina morre de complicações da Covid-19. O servidor aposentado César Pinheiro, pai da médica Mayra Pinheiro, foi tratado com remédios ineficazes contra o coronavírus”.

Apesar da tática para tentar associar o uso dos medicamentos à morte do pai da médica, para quem sabe responsabilizá-la, como fizeram os senadores da CPI da Covid com o empresário Luciano Hang, o motivo do óbito não teve relação com a Covid. A secretária publicou em suas redes sociais uma nota desmentindo a informação.

O texto afirma que a causa da morte do pai da Dra Mayra foi insuficiência respiratória, sepse e infecção urinária, resultantes de um quadro clínico de câncer de próstata e hipertensão arterial sistêmica.

“A causa da morte do pai da Secretária do Ministério da Saúde não guarda relação com sua recente internação e alta em virtude da Covid-19. Doença esta que, apesar de todas as suas comorbidades pré-existentes, ele venceu e figurou na estatística dos vinte virgula quarenta e quatro milhões de brasileiros recuperados no país”, diz o texto.

A nota também lamenta a atitude dos profissionais mentirosos que trataram o caso.

“É lamentável constatar, mais uma vez, a nefasta persistência de alguns veículos de imprensa em propagar narrativas falaciosas, sem a responsável e devida checagem inerente à prática do jornalismo sério e de credibilidade”.

O texto também destacou o ódio de militantes contra a médica em um momento tão delicado. “Tal fato estimula outra prática deplorável, desta vez de militantes ideológicos que, lastimavelmente, sem o mínimo respeito a um momento de dor enfrentado pela família, propagaram mensagens ofensivas nas redes sociais da Secretária, na postagem em que esta anunciou o falecimento e as informações de velório e sepultamento do pai”.

Por fim, a nota termina com um agradecimento pelas mensagens de solidariedade e orações recebidas.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Barra Velha - SC Atualizado às 02h19 - Fonte: ClimaTempo
18°
Muitas nuvens

Mín. 15° Máx. 23°

Sex 26°C 15°C
Sáb 24°C 16°C
Dom 23°C 16°C
Seg 25°C 14°C
Ter 27°C 15°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Ele1 - Criar site de notícias