Quinta, 21 de Outubro de 2021
19°

Muitas nuvens

Barra Velha - SC

Dólar
R$ 5,60
Euro
R$ 6,52
Peso Arg.
R$ 0,06
Brasil BRA-RJ/Festejos

RÉVEILLON E CARNAVAL

E. Paes sugeriu, supremo apoiou...

06/10/2021 às 18h10 Atualizada em 07/10/2021 às 18h37
Por: Rui Candeias Fonte: rc-i.t.bianchi-tl
Compartilhe:
RÉVEILLON E CARNAVAL

RÉVEILLON E CARNAVAL

Eduardo Paes sugeriu eventos sem restrições e supremo apoiou

rc-i.t.bianchi-tl-06.10.21

BRA-RJ/Festejos

O prefeito do Rio de Janeiro Eduardo Paes (DEM) sugeriu, em entrevista no último domingo (03), que a vida vai voltar à normalidade se “todo mundo for vacinado”, disse que um carnaval com distanciamento social seria “ridículo”, além de afirmar que seria o primeiro a desrespeitar a medida.

“A única certeza que a gente tem é que estamos vacinando todo mundo, e com todo mundo vacinado, a vida volta ao normal. Quem vai ficar fazendo distanciamento no Carnaval? Fica até ridículo, pedindo um metro de distância. Se tivesse, eu seria o primeiro a desrespeitar. Não vamos ficar também viúvas da pandemia, querendo que se tenha pandemia o resto da vida. A ciência avançou, venceu, e permitiu que se abra. Então vamos abrir, graças a Deus”, disse o prefeito.

A imprensa agora defende a tese de que, com a vacinação, eventos onde haja aglomeração de pessoas já estão próximos de voltarem à rotina e passa a embasar ‘cientificamente’ afirmações políticas de volta à vida normal pós-pandemia.

Em entrevista, o médico Julio Croda disse que o avanço da vacinação pode determinar o fim da pandemia e a volta dessas atividades. Para ele é seguro voltar com eventos onde haja aglomeração, onde seja possível a equação de avanço das doses adicionais de vacinação, mais um quadro de queda nas internações.

“Se conseguirmos revacinar até o fim do ano todo o grupo com maior risco para evoluir para hospitalização e óbitos, teremos dias mais tranquilos, e, eventualmente, a gente pode liberar algumas atividades associadas à aglomeração, como o Réveillon e o Carnaval”, é a opinião do médico sobre o retorno desses eventos.

No Boletim da Manhã desta segunda-feira (04), o jornalista Allan dos Santos lembrou do apoio dado pela Suprema Corte do Brasil a medidas equivocadas impostas por prefeitos em cidades Brasil afora.

“E sou do Rio de Janeiro, o Carlos é do Rio, o Max é do Rio, o Anderson é do Rio, todos nós sabemos como as coisas funcionam no Rio. O Eduardo Paes se for candidato a prefeito vai ganhar de novo, é quase um estado perdido, a situação é calamitosa no Rio de Janeiro. […] é muita sujeira, muita canalhice que rola nesses carnavais no Rio de Janeiro, não me venha com essa história de que gera emprego, essas coisas. É uma sujeirada, roubo, sonegação, lavagem de dinheiro, narcotráfico, assustador. E aí, Eduardo Paes recebe apoio da Suprema Corte; quem diria, que novidade”, destacou.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Barra Velha - SC Atualizado às 01h18 - Fonte: ClimaTempo
19°
Muitas nuvens

Mín. 15° Máx. 23°

Sex 26°C 15°C
Sáb 24°C 16°C
Dom 23°C 16°C
Seg 25°C 14°C
Ter 27°C 15°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Ele1 - Criar site de notícias